AVISO IMPORTANTE:

* Nossa casa fica em Porto Alegre (RS). Para maiores informações, contate-nos via e-mail.




sábado, 29 de março de 2014

De onde eu vim....

A hora se adiantava e precisávamos encerrar a gira, mas alguém queria se manifestar para uma mensagem de esperança. E ele começou assim:

- De onde eu vim....

De onde eu vim, não precisamos que nos digam o que precisa ser feito, nós já iniciamos o dia sabendo exatamente o que nos cabe, e o fazemos.

De onde eu vim, não existe preguiça, não deixamos para depois o que tem que ser feito agora.

De onde eu vim, um homem de 100 anos de idade é considerado um adolescente e eu, um homem adulto, tenho cerca de 400 anos terrestres.

De onde eu vim, os corpos são mais sutis, menos propensos às doenças, pois a alimentação é saudável e os vícios não existem.

De onde eu vim? -

A maioria não quis arriscar. Mas alguém na assistência sim: - Capela?

E uma médium da corrente, determinada: - Da Terra?

Ao que ele confirmou:

- Sim, eu sou um terráqueo, como vocês, mas venho do futuro.
Assim como vocês, nós também nos desdobramos e viajamos ao passado, como estou fazendo agora.

E eu perguntei: - O senhor está encarnado?

E ele: - Sim, como vocês.

E ele falou, falou, falou e eu me arrependi amargamente de não ter um gravador comigo naquela hora. Ficou dentro de nós a mensagem, mas não consigo reproduzí-la fielmente.

Ele nos deixou uma mensagem de fé, para que continuemos acreditando nas mudanças, na evolução do ser e do Planeta. Ele e sua mensagem são a prova de que vamos conseguir.

E despediu-se assim:


- Até o próximo amanhecer! – explicando que é assim que se despedem ‘de onde ele veio’, pois o sol sempre nasce ao amanhecer, na certeza de um novo dia, cheio de energia.



Nenhum comentário:

Postar um comentário